Pular para o conteúdo principal

Postagens

O BOLSONARISMO E O ATUAL CONFLITO COM A REDE GLOBO

Postagens recentes

O MACHISMO E A "CULTURA" DA FALTA DE AFINIDADE

A violência contra a mulher, infelizmente, é fruto de uma "cultura" machista da falta de afinidade.

Homens tidos como durões, viris, privilegiados de toda sorte - embora, no fundo, sejam também frustrados em não terem grandes qualidades - , tentam ser os maiorais nas noitadas e nas redes sociais.

A boa parte dos feminicídios e das agressões próximas a esse fim ocorrem porque há uma "cultura" em que casais tem que se formar sem afinidade, sem a necessária identificação pessoal que rendesse uma relação marcada pelo respeito e pelo afeto.

Depois do chocante caso de Tatiane Spitzner, assassinada depois de agredida durante vários minutos pelo ex-marido Luiz Felipe Manvailer (Rott-Vailer?), um pit-boy de Guarapuava (PR), hoje preso, temos uma agressão longa que, por pouco, não teve o mesmo fim trágico.

Na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, a empresária Elaine Caparroz, de 55 anos e muitíssimo bonita, foi internada com graves feridas devido a uma agressão do furioso nam…

QUEDA DO MINISTRO BEBIANNO AGRAVA CRISE DE JAIR BOLSONARO

Ontem, Gustavo Bebianno oficializou sua saída do governo Jair Bolsonaro.

Ele deixou o ministério da Secretaria-Geral da Presidência da República, consolidando o que havia sido anunciado há poucos dias.

Seu substituto é xará de uma figura histórica e marcada pelo autoritarismo na Presidência da República: Floriano Peixoto Neto, general da reserva.

A queda do maior aliado agrava uma crise de um governo que, até agora, não trouxe uma medida realmente positiva para os brasileiros, passados mais de 45 dias.

A saída de Bebianno tem um detalhe: ele era um dos maiores apoiadores e ajudantes da campanha de Jair Bolsonaro.

Ele foi denunciado como envolvido no esquema de laranjas do Partido Social Liberal (PSL), no qual candidatos com poucas chances de vitória recebiam verbas eleitorais, alimentando outros candidatos que pudessem ter chances maiores de vencer.

Em contrapartida, Bebianno, que aparentemente não vai denunciar o ex-aliado, tem informações secretas que podem pôr o governo Bolsonaro …

O FALSO 'CULT' POPULARESCO DA MÍDIA HEGEMÔNICA

É O TCHAN E MOLEJO, DOIS DOS NOMES FALSAMENTE CULT DO COMERCIALISMO MUSICAL BRASILEIRO.

Temos a nostalgia de mentirinha do Brasil dos anos 90 puxado pela novela Verão 90, da Rede Globo.

Temos, também, atores globais "espontaneamente" dançando o "funk" ou músicas do É O Tchan, Molejo e o sucesso "Evidências", de José Augusto, na versão de Chitãozinho & Xororó.

A mídia venal vende todo esse comercialismo como se fosse cult, "alternativo", mas não é.

É o establishment do mainstream colocado às últimas consequências.

É hit-parade do jeito que os mais ambiciosos empresários do entretenimento musical gostam.

A mídia venal brinca de inventar pretensas "relíquias cult" dentro de um cenário de aridez cultural.

Não temos rádios alternativas de rock. O que hoje sobrou de "rádios rock" são meras Jovem Pan com guitarras ou, quando muito, rádios esforçadas de meros "sucessos do rock".

MPB de vanguarda? Até existe, mas ela tem…

TV LINHAÇA - O QUE ACONTECEU COM NITERÓI?

A cidade, que foi capital do Estado do Rio de Janeiro e chegou a ser considerada 4ª maior cidade em Índice de Desenvolvimento Humano, passa por uma séria decadência.

GOVERNO JAIR BOLSONARO É CATASTRÓFICO DE TANTO DESASTRE

É claro que a sociedade brasileira precisa de uma sacudida.
Elegeram um político fascista e incompetente, Jair Bolsonaro, e uma "plêiade" de reacionários doentios que só sabem brigar e receber propinas.
É um país em que a chamada "cultura popular" prima pela idiotização e mediocrização.
Religiosamente, se endeusa, como pretenso símbolo de "paz e caridade" e, também, como falso profeta, um "médium" vigarista que usava peruca e depois boné e se consagrou fazendo literatura confirmadamente fake.
A criançada crescida, em boa parte com mais de 50 anos de idade, apela para esse "bondoso homem" de visual cafona mas que muitos acreditam ser "dono do futuro da humanidade".
Li em outras fontes que esse "médium", tão adorado como pretensa unanimidade, mais parece um caso pitoresco como A Vida de Brian (Monty Python's Life of Brian), do grupo humorístico Monty Python.
A comédia épica de 1979 mostra um judeu mediano que foi…

NITERÓI E O DESCASO AMBIENTAL

Há tanta e tanta gente fumando cigarro em Niterói que eu fico perguntando se o niteroiense é masoquista.

A cidade que chegou a ser considerada a quarta em Índice de Desenvolvimento Humano parece buscar uma queda livre em expectativa de vida.

Há muito descaso, muita acomodação, muita indiferença em Niterói.

Fico pasmo. Eu, nas minhas andanças no Centro niteroiense, sinto que a cidade anda muito velha, enferrujada.

A cidade está suja, fedorenta, mofada, cheirando a cigarro, com calçadas cinzentas e caminhões de lixo também mal-cheirosos.

O pessoal parece estar feliz, acostumado com isso. Claro, não é coisa do Partido dos Trabalhadores, hostilizado pela maioria dos niteroienses.

Se não é o PT, tudo bem. Vale até ônibus turístico caindo no precipício. A choradeira fica pra depois.

Infelizmente, isso é verdade. O espírito do descaso, que marca o Sul e Sudeste na sua indignação seletiva, tem em Niterói seu reduto mais extremo.

E isso num Brasil que, no caso do governo Jair Bolsonaro e o es…