NÃO SERIA MELHOR UM NATAL SEM MICHEL TEMER?


As crianças entendem bem o recado do Brasil temeroso.

Crianças de escolas públicas da comunidade de Sobradinho, cidade-satélite do Distrito Federal, receberam a visita do presidente Michel Temer e da primeira-dama, Marcela, à frente do projeto Criança Feliz.

Era um evento de Natal, que contou com um funcionário designado para ser o Papai Noel.

A criançada carente entendeu muito bem o recado porque sabe muito bem da falta de carisma do canastrão político Michel Temer.

Além disso, ele acabou de dar um golpe violento nas classes populares.

Através de um de seus homens de confiança, o senador Renan Calheiros, foi feito um trabalho para aprovar a horripilante PEC dos Gastos Públicos, a PEC do Fim do Mundo.

Agora a PEC virou lei e setores como Educação e Saúde terão que se virar com os baixos orçamentos.

A criançada já vai penar a partir do próximo ano.

Vai perder muitos dias de aula, o aprendizado se tornará muito precário.

A tristeza das crianças repercutiu tanto que as redes sociais não pouparam Michel Temer.

É o preço de um projeto político retrógrado, empurrado com força para a população brasileira aceitar.

Temer, até no anúncio de sua "agenda positiva", anteontem, impôs a medida cruel, para os trabalhadores, de reduzir as multas do empresariado que realizar demissões sem justa causa.

O governo Temer está terrível.

É o Brasil Temeroso.

Não seria melhor um Natal sem Michel Temer?

Não seria melhor haver mais protestos de rua, com os estudantes mobilizados em passeatas pacíficas nas ruas dos centros das cidades?

Vamos fazer um outro "Junho de 2013", desta vez pelo "Fora Temer".

Não apenas de vez em quando. Sempre.

Estamos a perder direitos sociais caros e duramente conquistados em nossa História.

Isso é sério. Não está no Jornal Nacional. Está na nossa dura realidade que não passa na TV nem está impressa nos jornais e revistas de grande circulação.

Triste Natal brasileiro que se chega.

Comentários